Esses Dias

Author: Bagande

Image via Wikipedia

Esses dias, loucos dias
Me achei….e me perdi
Amei…Sofri…Enlouqueci
Tentando – em vão – ver a saída
Que ofuscada pelo desamor – se escondia

Esses dias, loucos dias
Na certeza que te encontraria
Uma confusão!…Que desilusão!
Tive a certeza – ali findaria!

Esses dias, loucos dias
Tranquei a porta do meu coração
Pois não suportaria outra decepção
Um detalhe…eu não vi!
É que deixei você ali dentro
E a chave – que chave? Joguei-a fora!

Esses dias, loucos dias
Descobri que não mais vou te esquecer
Não mais conseguirei, e nem tentarei
Deixar de amar você!

Anúncios

Música: Meu eu em você

Música de Paula Fernandes, lindíssima, de uma poesia espetacular….

Eu sou o brilho dos teus olhos ao me olhar
Sou o teu sorriso ao ganhar um beijo meu
Eu sou teu corpo inteiro a se arrepiar
Quando em meus braços você se acolheu

Eu sou o teu segredo mais oculto
Teu desejo mais profundo, Teu querer…
Tua fome de prazer, sem disfarçar
Sou a fonte de alegria…Sou o teu sonhar

Eu sou a tua sombra, Eu sou teu guia
Sou o teu luar em plena luz do dia
Sou tua pele, proteção…Sou teu calor
Eu sou teu cheiro a perfumar o nosso amor.

Eu sou tua saudade reprimida
Sou teu sangrar ao ver minha partida
Sou teu peito a apelar, gritar de dor
Ao se ver ainda mais distante do meu amor

Sou teu ego, Tua alma
Sou teu céu, O teu inferno…A tua calma
Eu sou teu tudo…Sou teu nada
Sou apenas tua amada…
Eu sou teu mundo, Sou teu poder
Sou tua vida
Sou meu eu em você

A razão do pesar

Pôr-do-Sol

Image via Wikipedia

Quando o Sol se apaga
Há sempre alguém para lamentar
Sem nem saber a razão do pesar

Como saber por quem chorar?
Se quando o Sol se apagar
Sempre algúem irá lamentar
Sem descobrir a razão do pesar?

Sem motivo para se lamentar
Não haverá por quem chorar
Nem a necessidade de saber a razão do pesar
Então não há motivo
Para o Sol se apagar